12 de Setembro, 2019

Devota agradece por graça da gravidez por intercessão do Pe. Donizetti

Naildes dos Santos é devota há mais de 40 anos do Pe. Donizetti e visitou o Santuário Nossa Senhora Aparecida de Tambaú na primeira quinzena de julho para agradecer pela intercessão do sacerdote na gravidez de sua nora.

Naildes Maria dos Santos, 67 anos, reside em Vargem Grande Paulista (SP), visitou Tambaú (SP), acompanhada de sua filha e seu genro, pela terceira vez para agradecer por graças alcançadas e também para pedir a intercessão do Pe. Donizetti em suas orações.

A vargem-grandense relatou que, durante sua vida, já recebeu muitas bênçãos por intercessão do sacerdote, como quando, em sua juventude, aos 20 anos, conseguiu se livrar do vício do cigarro após pedir intercessão de Donizetti. Alguns anos depois, Naildes retorna à “cidade dos milagres” para concretizar o voto feito ao pároco, mas, desta vez, na vida de sua nora, Marineusa.

Casada com Daniel, Marineusa não podia engravidar, segundo avaliação médica. Mas, após o voto de sua sogra Naildes, recebeu uma boa surpresa. “O médico disse que ela jamais iria engravidar. Logo após minha promessa, ela engravidou, nascendo meu lindo neto Emanuel Duque dos Santos de Freitas que está com dois anos. Estou cumprindo a promessa, depositando na cama do religioso um belo boneco, em forma de agradecimento pela sua intercessão”, relatou Naildes.

Durante a Missa no Santuário, a devota rezou para agradecer pelas graças alcançadas e aproveitou o momento de fé e oração para realizar novos pedidos em favor de seus filhos, marido e outras intenções mais íntimas da família. “Sou devota há muitos anos e tenho muita fé nele. Creio em sua intercessão, mais uma vez, pela minha pessoa e de minha família”, disse a devota.

Antes de se despedir de Tambaú, rumo à cidade em que reside, Naildes enfatizou convicta de que retornaria ao Santuário Nossa Senhora Aparecida de Tambaú em breve para agradecer pela intercessão do Pe. Donizetti. “Vou rezar muito pedindo para que aconteça o quanto antes a sua canonização”, desejou a vargem-grandense.

Testemunho - Naildes dos Santos